09:54

Grandioso és tú


Por: Aldair Ramos Rios

Quando olhamos para a criação, a complexidade do universo, a beleza que envolve tudo aquilo que Deus criou, ficamos perplexos diante da grandeza do nosso Criador. Somos motivados a adorar a Deus com o famosos hino " grandioso és tú"...que inspiração veio sobre o seu autor não é mesmo...?
Ao começar pela magnitude dos astros e estrelas e planetas que proclamam o nome de Deus, somos levados a cantar o refrão com toda a nossa alma.

"Então minh`alma canta a ti, Senhor,
grandioso és tú, grandioso és tú...
Então minh`alma canta a ti, Senhor,
grandioso és tú, grandioso és tú..."


O compositor, passa e descrever os bosques, as florestas, a brisa, os pássaros, as montanhas altaneiras, proclamando a glória e o poder do Senhor.
Até que seus olhos são levados para a cruz, onde Cristo morreu como um malfeitor, mesmo sendo inocente, onde Cristo morreu como meu substituto e como o seu substituto, um ato de amor que nos livrou do jugo do pecado, vertendo ali seu sangue carmezim...após a descrição de tão glorioso sacrifício...o autor do hino cheio de certeza, parece contemplar o dia, em que triunfante, estará de joelho entre os santos, na mais humilde e vera adoração. (Hinário Novo Cântico/ C. Boberg- Trad. N. Emmerich)

Que Gloriosa graça, nos foi concedida em Cristo...não é mesmo?

Quando o Senhor Jesus no sermão do Monte, falou acerca das Solicitudes da vida, ao nos proibir de andar ansiosos; nos ordenou á contemplarmos o cuidado de Deus sobre a sua criação.

Disse Jesus: "Olhai para as aves do céu; não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros, e contudo o vosso Pai celestial as alimenta..." (Mt 6:26)

Jesus sabia muito bem do que ele estava falando. Se pararmos para observar realmente como Deus cuida e sustenta todas as coisas, jamais seriamos importunados pela ansiedade.
O Salmista Davi, escreve de maneira singular sobre a glória de Deus revelada na sua criação.


"Os céus declaram a glória de Deus; e o firmamento proclama a obra de suas mãos" (Sl 19:1)

"Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite"(Sl 19:2)

Não há como negar a Deus;...todos os dias a revelação de sua existência está diante de cada um de nós. João Calvino tinha toda a razão, quando afirmou a impossibilidade de ateísmo real.
O apóstolo Paulo escrevendo aos romanos, acerca da depravação da humanidade afirma...

"Do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens que detêm a verdade pela injustiça,
visto que o que de Deus se pode conhecer, neles se manifesta, porque Deus lhes manifestou.
Pois os atributos invisíveis de Deus, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que foram criadas, de modo que eles são inescusáveis." (Rm 1:18;20)

A humanidade inteira, se encontra num estado deplorável de depravação. Emboram tenham o conhecimento da existência de Deus, preferem negá-lo ...pois práticas como essa, tem como objetivo aliviar o peso de suas consciências...
Todos nós temos uma consciência que nos aprova ou nos reprova, em tudo o que propomos a fazer...se existe uma consciência que nos dá diretrizes do que é correto fazer e daquilo que não é, é por que existem leis; e se existem leis, existe alguém que as criou...e quem seria esse alguém?


O salmista afirma que a Lei do Senhor é perfeita... (Sl 19:7)

Por mais que os obstinados procurem negá-lo...a glória de Deus sempre estará visivel no céu, para que todo o ser, contemple a sua Soberania e Domínio sobre todas as coisas...
Não acabará com o tempo, não será substituido por outro, pois Ele é o único Ser Supremo, o único que é Imutavél...por toda a eternidade seu nome será Louvado, ...
só me resta... se juntar a milhares de cristãos em todo o mundo, em adoração ...


"ao único Deus sábio, seja dada a glória por Jesus Cristo para todo o Sempre. Amém "(Rm 16:21)

Soli deo Glória

5 comentários:

Alexandre disse...

Retribuindo seu comentário...

Gosto demais dessa canção!
Deus se revela de forma simples ao homem. Nós é que complicamos as coisas, não é mesmo?

"Todo homem quer ser rei. Todo rei quer ser Deus. Só Deus quis ser menino." [Leonardo Boff]

Comente mais vezes!

Abraço!

blogmoderador disse...

Bela canção! Uma visão clara da grandiosidade de Deus arrebata o nosso coração e livra-nos da mediocridade. Que ele em tudo e em todos seja o centro.

Abraço!

Robson Wellington

Clóvis disse...

Aldair,

É muito bom ver mais um jovem interessado na glória de Deus!

Quanto ao cântico, foi um dos primeiros que ouvi quando me converti. E continua falando fundo em meu coração, pois exalta o nosso grande Deus.

Em Cristo,

Clóvis

Aldair R. Rios disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aldair R. Rios disse...

Também gosto muito dela Alexandre e concordo com você que nós complicamos o que esta tão nítido diante de nós.

Robson com certeza, quanto mais conhecemos a santidade de Deus ...mais e mais reconhecemos quem nós somos, pecadores, totalmente dependente Dele...

Cl´vis fiquei feliz por sua visita, seu blog é ótimo volte mais vezes.